Luz Eterna

"Que possamos ter serenidade necessária para aceitarmos aquilo que não podemos mudar... Coragem para mudar aquilo que podemos... E sabedoria para distingüir uma das outras...Phatae!"

abril 26, 2005

PHATAE

Visite o site www.phatae.com



PHATAE significa "Paz, HArmonia, Tranquilidade, Amor e Equilíbrio", sendo assim, não há área em nossas vidas em que não precisemos de Phatae.

Phatae é uma característica existente em todos nós, ao qual temos como finalidade de vida, a redescoberta. Passamos a nossa vida inteira, redescobrindo. As vezes, quando estamos passando por algum tipo de problema, esquecemos de olhar a situação como realmente ela é, pois um "problema" nada mais é do que uma possibilidade de melhora, uma oportunidade de cresci-mento... uma LIÇÃO a ser apren-dida!

Devido aos "problemas" causados pela modernização, vida agitada, estresse, individualização, com-petitividade, dentre outros milhares de fatores que nos fazem direcionar a nossa atenção ao "EXTERNO", esquecemos cada vez mais desse sentimento de Phatae em nossas vidas, esquecemos de olhar para a verdadeira solução de nossos problemas, esque-cemos de nosso Eu Interior.

A melhor maneira de adquirir Phatae em nossas vidas é através do auto conhecimento e da expansão de consciência. Temos de aprender de uma vez por todas...tudo que vem do "EXTERNO" é "Falso Poder", pois somente o que vem do "Interno" é "Poder Absoluto" e a felicidade que é baseada no "Externo" só existe enquanto o objeto do externo existir, mas a felicidade baseada no "Interno" é eterna, pois não está sujeita a causas, temporaneidade e é baseada naquilo que somos e não no que temos...ISSO É PHATAE!

Por Rogério Pires
Psicoterapeuta e Terapeuta Holístico
www.phatae.com

2 Comments:

At 10:02 AM, Blogger okada said...

Estou agora em viagem profunda p/ dentro de mim, e assim, por esses dias, senti que o calendário externo
parece defasado ao interno. Esse processo é pontual, depois me acostumo? Ou a partir do autoconhecimento gradativo, o externo fica sempre bem p/ trás?

 
At 10:02 AM, Blogger okada said...

Estou agora em viagem profunda p/ dentro de mim, e assim, por esses dias, senti que o calendário externo
parece defasado ao interno. Esse processo é pontual, depois me acostumo? Ou a partir do autoconhecimento gradativo, o externo fica sempre bem p/ trás?

 

Postar um comentário

<< Home